Escolhas

A tempestade furiosa estremeceu os fundamentos do oceano
Enquanto os ventos sopravam intensamente contra as velas do barco
Um grito de desespero ecoa do ventre do grande peixe
Mas o clamor poderá ser ouvido das profundezas do mar?

Os erros são expostos, os dedos apontam, a consciência é implacável
Não existe misericórdia no Reino dos Órfãos
Foi cruelmente empurrado para morte
Por aqueles que chamam a sentença de justiça

Quando os medos invadem, escolha ter coragem
Quando as vozes acusam, escolha perdoar
Quando tudo esta perdido, escolha crer
Quando a vida não tem sentido, escolha ter esperança
Quando estiver caído, escolha se reerguer
Quando se sentir incapaz, escolha tentar
Quando achar que chegou o limite, escolha não desistir

A lembrança do Grande Amor ilumina a escuridão
E a oração do aflito não será ignorada
Mesmo estando no centro do Inferno
Sua Poderosa Mão será estendida

Miraculosamente foi expelido do seu fim
Jogado em terra firme mais uma vez
Colocou os seus pés na Salvação
E mesmo na infidelidade
O Libertador faz sombra para o seu descanso
Essa extravagante graça não pode ser compreendida
Um assombroso escândalo divino
Derramado sobre o miserável pecador

Cada amanhecer é um recomeço
Uma nova chance para avançar
Em dias de trevas
Escolha a vida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s